União Desportiva Vilafranquense, Futebol SAD

Depois da vitória em casa diante do Amora FC, os juniores da UD Vilafranquense deslocam-se, este sábado, ao terreno do SG Sacavenense e vão tentar conquistar a segunda vitória consecutiva. Paulo Robles, treinador principal dos unionistas, não atribuiu o favoritismo a nenhuma equipa e falou dos bons desempenhos da formação ribatejana nos últimos encontros.

“O final do campeonato ainda está longe e existem muitas alterações dentro das próprias equipas, com situações de castigos e lesões. A juntar a isso, a formação do SG Sacavenense tem equipas em competições nacionais, como é o caso dos sub-17, que já asseguraram a manutenção, estando esses atletas à disposição do treinador deste escalão. Além disso, o fator casa dificulta sempre a tarefa. No que toca ao nosso percurso, não temos feito muito bons resultados, mas temos feito bons desempenhos. Espero que amanhã voltem a juntar-se as duas coisas: o bom desempenho e o bom resultado. É isso que pretendemos. Frente ao Amora FC, tivemos a felicidade, a sorte e o esforço de todos para levar a melhor contra este adversário direto na luta pelo nosso objetivo”, começou por dizer o técnico de 38 anos.

Ainda sobre o jogo de amanhã, Paulo Robles acredita que a equipa adversária vai fazer tudo para alcançar os três pontos. O mister mostrou-se satisfeito pela vontade e ambição dos seus jogadores em manter o clube nesta divisão e não esquece as dificuldades que o grupo vai ter em Sacavém, muito também fruto da rivalidade saudável entre os dois clubes.

“Agora temos pela frente um adversário que ainda não desistiu e que não está fora das contas da manutenção nesta competição. Acredito que vão fazer tudo o que está ao seu alcance para conquistar uma vitória sobre a nossa equipa. Nós faremos o máximo que conseguirmos, tendo em conta as condições que temos e todas as adversidades desta época para tentar triunfar sobre o SG Sacavenense. Os jogadores, o staff técnico e todas as pessoas do clube ligados ao escalão têm feito o melhor que podem e conseguem para conseguir atingir o objetivo. Mais do que vir do clube ou do próprio treinador, esta vontade vem dos jogadores e do grupo de trabalho, que quer, como já demonstrou, permanecer nesta divisão. Os jogadores têm-se comportado a um bom nível e têm dado o melhor que têm e não têm. Isso deixa-me satisfeito, mas cada jogo é um jogo e amanhã as dificuldades vão ser imensas como é normal neste campeonato, agravando ainda pela rivalidade saudável existente entre os dois clubes”, chutou o treinador da equipa júnior.

A UD Vilafranquense e o SG Sacavenense entram em campo amanhã, às 16h00, no Complexo Desportivo Elias Pereira N.º1, numa partida a contar para sétima jornada da fase de manutenção referente à zona sul do Campeonato Nacional I Divisão de Juniores A.

Abril 1, 2022

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *